Acidentes envolvendo motos caem 20% nas rodovias

Com o objetivo de reduzir o número de acidentes envolvendo motos nas rodovias paulistas, a ARTESP – Agência de Transporte do Estado de São Paulo e as 20 concessionárias que integram o Programa de Concessões Rodoviárias realizam ações preventivas e operacionais específicas para este público. De acordo com o levantamento do órgão, foram registrados e atendidos no primeiro semestre do ano 3.325 acidentes envolvendo motos, 20% a menos na comparação com o mesmo período do ano passado, quando foram contabilizadas 4.178 ocorrências.

As ações das concessionárias, com acompanhamento da ARTESP, são de cunho educativo, como veiculação de mensagens de orientação nos painéis eletrônicos das rodovias e campanhas de conscientização, e de fiscalização, como monitoramento em pontos estratégicos e medidas operacionais de segurança. Além disso, a Agência é parceira no Programa Respeito à Vida , iniciativa responsável pela gestão do Infosiga SP, que contabiliza dados sobre acidentes fatais de trânsito no Estado de São Paulo.

“Embora a pandemia tenha influenciado na diminuição do tráfego nas rodovias, as medidas de segurança viária que temos adotado têm contribuído diretamente para a redução das ocorrências, inclusive as envolvendo motociclistas, que ficam muito mais expostos em caso de acidentes”, aponta o diretor geral da ARTESP, Milton Persoli. “Juntamente com as concessionárias, seguimos estratégias alinhadas aos padrões internacionais e os resultados têm sido significativos, por isso seguimos com o objetivo de reduzir cada vez mais este índice.”

Dados gerais do Infosiga SP, que incluem todas as rodovias do Estado, inclusive as não concedidas, também apresentaram redução nos acidentes envolvendo motos, foram 4.749 ocorrências no primeiro semestre do ano, número 14% menor na comparação com o mesmo período do ano passado, quando foram registrados 5.566 acidentes.

Campanhas em andamento

Concessionárias sob a regulação da ARTESP realizam ações específicas visando prevenir acidentes envolvendo motocicletas, como, por exemplo, a campanha digital da Entrevias com o humorista Marco Luque e seu personagem Jackson Faive. A ação visa, de forma descontraída, divulgar orientações de segurança e reforçar a importância da manutenção das motos antes de pegar estrada. Na Ecopistas, são realizadas blitze de prevenção contra a Covid-19 – já que, na região, durante a quarentena, houve aumento no fluxo de motocicletas usadas para entregas – com aferição de temperatura, testes rápidos, entrega de kits higiene, além de orientações para redução de acidentes.

A Rodovias do Tietê e a ViaRondon fornecem e instalam antenas corta-pipas e kits de segurança. A AB Triângulo do Sol realiza campanha com serviços gratuitos como verificação dos itens de segurança, aferição da pressão arterial dos condutores e orientações de direção. A campanha da AB Colinas tem colagem de adesivos refletivos nos capacetes, troca de lâmpadas queimadas e material informativo. A Tamoios usa a rádio da concessionária para fazer alertas educativos e de conscientização aos motociclistas, dentre outras ações.

As demais concessionárias utilizam os painéis eletrônicos das rodovias para divulgar mensagens sobre condução segura.

Programa de Redução de Acidentes

Nos contratos de concessão, é estabelecido que cada concessionária apresente um Programa de Redução de Acidentes de Trânsito e Segurança Rodoviária – PRA, destinado a promover a melhoria no sistema viário, beneficiando condutores de motocicletas e veículos de uma forma geral. A ARTESP estabelece diretrizes e metas, e acompanha de perto se elas estão sendo cumpridas. As medidas devem prever ações sobre a via, veículo e condutor, com intervenções na engenharia, em ações operacionais, educativas e de apoio à fiscalização.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE