Abdo eleito presidente no Paraguai

(Reuters) – O candidato governista no Paraguai, Mario Abdo Benítez, um jovem conservador com laços com a última ditadura do país, venceu as eleições presidenciais no domingo com a promessa de manter o rumo econômico e atrair mais investimentos ao país.
Abdo, do governista Partido Colorado, tinha 46,46 por cento dos votos contra 42,72 por cento de seu principal rival, Efraín Alegre, da aliança oposicionista de centro-esquerda, com 98 por cento das seções eleitorais contabilizadas.
???O resultado é irreversível???, disse o presidente do Tribunal Superior de Justiça Eleitoral (TSJE), Jaime Bestard.
A vitória de Abdo foi muito mais estreita do que o projetado pelas pesquisas eleitorais, assim como por algumas sondagens de boca de urna, e levou o adversário a não reconhecer a derrota.
Abdo, filho do secretário privado do ditador Alfredo Stroessner, que governou o Paraguai com mão de ferro por 35 anos até 1989, tornou-se candidato após vencer a poderosa corrente do atual presidente Horacio Cartes.
???Acabaram as divisões estéreis???, disse Abdo, de 46 anos no seu discurso de vitória diante de milhares de simpatizantes que agitavam bandeiras vermelhas e dançavam em frente à sede do partido.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE