A nova sociedade civil brasileira

Logo após a virada do século, o Brasil teve um avanço da presença do Estado e um recuo da sociedade civil. Mas antes vamos falar de como se comporta a sociedade civil e sua evolução nos últimos 35 anos.
A sociedade civil organizada do país havia migrado ao longo dos anos 1980 e 1990 para dentro do PT, que se tornou o grande partido de esquerda- ocupando o espaço antes dividido com PDT e PCdoB.Vencida a eleição e no governo em 2002, o PT e o Estado ‘engoliram’ a sociedade civil- quase toda ela de esquerda. Foi um processo longo e que teve altos e baixos. A atual crise é um desdobramento mais dramático deste processo.O exercício do poder intoxicou a antiga relação do partido com os movimentos sociais principalmente pela necessidade de se ter (muitos) cargos ocupados dentro do Estado.A economia indo bem e trazendo novas camadas da população para o consumo fez com que a questão da sociedade civil fosse deixada de lado.Também pesou a favor do PT o fato de a direita brasileira nunca ter sido capaz de organizar a sociedade brasileira a não ser por meio da igreja e das armas.A novidade espocou em 2013, com críticas inicialmente à esquerda, mas esta dividida entre os que estavam dentro do governo (entidades, sindicatos e mais) e os excluídos.Segue… 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE