Tecnologia

Iphone e Samsung 'penam' na China

País tem empresas próprias dominando

Publicado em 2019-01-09 16:59:41 Atualizado em 2019-01-09 16:59:41 (243 visualizações)

Que as vendas de iPhones caíram, disso todo mundo já sabe — só faltava um número para associar ao tombo. Agora, graças à Counterpoint Research, já o temos: tendo como base o mês de novembro, os smartphones da Maçã viram uma queda bem acentuada de 20% nas vendas na comparação com o mesmo período do ano passado.

O gráfico acima traz algumas revelações interessantes. Como podemos notar, o modelo mais vendido em novembro de 2017 — com folga — foi o iPhone X, com quase 10 milhões de unidades. Já em novembro de 2018, o modelo mais vendido foi o iPhone XR, com cerca de 6 milhões de unidades. Só essa informação já mostra uma mudança no interesse do consumidor: em um período, o aparelho mais caro foi o mais vendido; em outro, o mais barato.

O problema é que o iPhone XR falhou em atrair interesse dos consumidores para compensar o salto no preço dos iPhones mais caros. Em comparação com as vendas do modelo mais barato ano passado (iPhone 8), o XR caiu 5%, enquanto o iPhone XS Max despencou no topo da tabela em relação ao modelo mais caro do ano passado (justamente o iPhone X) — uma queda de brutais 46%.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE


Tecnologia

A Robótica e o Futuro do Emprego


Facebook terá inteligência artificial para combater 'pornô de vingança'


Escurecer o sol não seria tão ruim


Bons motivos para trabalhar com Blockchain


Facebook constrói máquina para ler seus pensamentos



© 2009-2019. Portal Novo Momento de Notícias. website: pratza