Tecnologia

Cientistas criam espermatozoide em laboratório

Descoberta de cientistas ingleses dispensa o uso de gametas masculinos para reprodução

Publicado em 2019-01-07 19:09:59 Atualizado em 2019-01-07 19:09:59 (376 visualizações)

A reprodução sempre foi vista como a junção de um gameta masculino e um feminino. No entanto, essa visão está com os dias contados. Cientistas britânicos foram capazes de desenvolver espermatozoide em laboratório a partir de células-tronco da medula óssea feminina. Isso pode marcar o fim da necessidade do pai na reprodução humana.

O experimento foi realizado por pesquisadores da Universidade de Newcastle. Essa mesma equipe de cientistas, em 2017, conseguiu desenvolver espermatozoide em laboratório a partir da medula óssea de homens adultos.

Um dos grandes objetivos do estudo do espermatozoide feminino – como vem sendo chamado o espermatozoide em laboratório a partir de células de mulheres -, conforme os responsáveis pela descoberta, é possibilitar que casais de lésbicas possam ter filhos sem a necessidade de um doador de esperma.

Estudo semelhante está sendo desenvolvido no Brasil. O experimento está em andamento no Instituto Butantan, em São Paulo. Os cientistas brasileiros trabalham no desenvolvimento de óvulos e de espermatozoides a partir da cultura de células-tronco embrionárias de ratos machos. Nesse caso, o dilema é saber se os óvulos masculinos permitirão ser fertilizados.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE


Tecnologia

Desafio dos 10 anos pode ser treinamento de reconhecimento facial


Cães Robôs vão entregar seu almoço


Feira tech acusada de machismo ao barrar vibrador feito por mulheres


Usaram o whatsapp para dedurar o traficante


O que é preciso aprender para atuar com MKT Digital



© 2009-2019. Portal Novo Momento de Notícias. website: pratza