Saúde

Saúde registrou 33 faltas por dia

Sua falta faz falta!

Publicado em 2018-10-08 09:25:27 Atualizado em 2018-10-08 11:02:36 (92 visualizações)

Trinta e três pacientes, em média, deixaram de comparecer às consultas agendadas nas 5 UBSs (unidades básicas de saúde) e no Ambulatório de Especialidades de Nova Odessa entre janeiro e agosto deste ano, segundo dados da Secretaria de Saúde. Dos 77.680 agendamentos realizados nos oito primeiros meses deste ano, 5.254 consultas deixaram de ser realizadas exclusivamente pela ausência do paciente. O secretário de Saúde, Vanderlei Cocato, ressalta que, mesmo com os encaixes que são feitos em cima da hora, a ausência prejudica toda a rede pública.

"É como eu costumo dizer: a falta sempre faz falta. Mesmo nos redobrando para realizar os encaixes, mais de 5,2 mil consultas agendadas foram perdidas nestes oito primeiros meses do ano. É um número muito alto, expressivo mesmo, de faltas", disse Cocato, que anunciou medidas para tentar reduzir esse número. "Com o recadastramento municipal, que começará ainda este mês, vamos informar os pacientes, com antecipação, sobre as consultas agendadas via SMS, o dia, horário e local de atendimento. Mais uma medida para tentar conscientizar a população sobre a importância de não faltar à consulta. Manteremos também o serviço de ligação via telefone, sempre avisando o paciente com dias de antecedência. Estamos alterando também a forma de agendamento das consultas e exames, com a Central de Regulação entrando em contato com o paciente antes de confirmar o agendamento. Se ele tiver disponibilidade para o dia e o horário, o agendamento é confirmado. Caso contrário, entra novamente na lista de espera", explicou Cocato.

NOVEMBRO.  A Craec (Central de Regulação e Auditoria de Exames e Consultas) de Nova Odessa já está em pleno funcionamento desde novembro de 2017, o serviço permite o agendamento dos exames e consultas com especialistas da rede pública diretamente nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde). O objetivo é agilizar o atendimento e reduzir o fluxo de pessoas no Ambulatório de Especialidades.

Segundo Cocato, além de descentralizar o pedido de exames e consultas – que pode ser feito nos cinco postos de saúde da cidade – o Craec também conta com uma auditoria dos pedidos feitos. "O pedido do paciente é enviado ao auditor, que avalia a necessidade do procedimento e consulta. Tudo de forma ágil e rápida", explicou o secretário. 
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE


Saúde

Veja 12 minutos de exercícios diários para obesidade


Governo avalia a ampliação de tratamento para câncer renal


Veja como apresentar os alimentos às crianças


ESF Zanaga promove palestra sobre câncer de mama


Pesquisa mostra discriminação de obesos no Brasil



© 2009-2018. Portal Novo Momento de Notícias. website: pratza