Política Crítica

Após 'textão', Meche não aparece na sessão

Publicado em 2019-09-12 14:50:22 Atualizado em 2019-09-12 14:50:22 (414 visualizações)

Após publicar um texto em suas redes sociais explicando seu 'sumiço' e afirmando 'estar de volta', o vereador Marschelo Meche (PSDB) não apareceu na sessão desta quinta-feira. A vereadora Fran da Padaria (PSDB) ocupa a cadeira nesta semana. 

Meche falou, na terça-feira, sobre depressão e como vem se sentindo. O vereador afirmou que "estar nessa situação é ser alvo da incompreensão, da chacota, do desprezo de muitos". 

Veja a nota na íntegra:
 
MINHA DECLARAÇÃO PESSOAL

Sim, minha luta pessoal já era de conhecimento de muitas pessoas; porém muitos evitavam tocar nesse assunto de forma mais pública. Há muitos anos conheci o lado mais obscuro da depressão, infelizmente, a busca de saídas que levaram a dores maiores. Não sei se consigo dizer que fracassei, porque minha escolha foi enfrentar algo que só as pessoas mais próximas sabem o quanto me machuca, o quanto me corrói. Mas meus familiares e amigos sabem o quanto busco forças pra seguir adiante, buscando meus sonhos.

Estar nessa situação é ser alvo da incompreensão, da chacota, do desprezo de muitos. E não deixou de ser também, de ameaças. Eu sabia que tudo isso viria quando decidi entrar na vida pública, é claro que estar preparado nunca estamos. Minha vida pessoal realmente é muito pautada por tratamentos, por remédios, por outra luta contra o peso. Eu não desejo nada disso pra ninguém. Foi muito difícil aceitar a condição de que é uma doença, e que preciso ter paciência e muita força. Infelizmente, muitas pessoas enxergam nisso tudo maldade, mas não é! Milhões de pessoas enfrentam esses monstros todos os dias, mais do que a gente pode imaginar!

Não é fácil, mas eu escolhi NÃO DESISTIR. Quando penso na minha situação, o que mais me conforta é saber NUNCA DESISTI. Busco aproximar-me de pessoas que me apoiam e lutam por mim também. Minha família e meus amigos. Eu me inspiro nas pessoas que persistiram, apesar de todas as dificuldades.

O tratamento impediu-me de estar nas sessões legislativas nas últimas semanas, porém o gabinete manteve-se aberto todos os dias à disposição da população, e neste momento retornarei à bancada durante as sessões. Quero poder contribuir para apoiar pessoas em situações similares debatendo políticas públicas preventivas e de tratamento.
Eu preciso sim pedir desculpas a todos possam ter ficado tristes, magoados ou decepcionados. MAS EU NÃO VOU DESISTIR! JAMAIS! Talvez isso tudo o que veio agora, de algum modo, SEJA UM ALÍVIO. Eu vivia o medo do dia seguinte. Eu só quero que quem estiver lendo isso, saiba: haverá muitas risadas contra mim agora, mas eu não vou me intimidar! Não estou preocupado que queiram usar tudo isso contra mim, estou feliz aonde cheguei agora. Eu vou mostrar a todos que É POSSÍVEL SUPERAR, É POSSÍVEL SER FELIZ, TRABALHAR E TER UMA FAMÍLIA, com muito apoio de Deus e das pessoas próximas. 
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE


Política Crítica

Tiosso recebe título da Academia de Letras do Brasil


'Dalbens' marcam presença no jantar da ACIAS


Ver. vistoria obras de ampliação da EMEI Clotilde Teixeira


PSDB 'sonha' com Dr José x Piovezan


NO: Pref. faz audiência para apresentar metas fiscais



© 2009-2019. Portal Novo Momento de Notícias. website: pratza