Política Crítica

Fontes corre risco de ficar sem partido

Em 2019. Vai depender de Corá

Publicado em 2018-12-07 12:15:33 Atualizado em 2018-12-07 17:28:13 (370 visualizações)

Depois de mudar de lado e apostar nos votos da oposição para se tornar presidente da Câmara na eleição da próxima quarta-feira, Carlos Fontes (PSD) corre risco de passar 2019 sem legenda e correr ainda mais riscos em 2020.

Fontes conta com uma ida para o PSL, partido que teve seu filho, Marcos, candidato a deputado estadual este ano, mas o comando da legenda está com Felipe Corá.

E no PSD o caminho deve ficar difícil uma vez que ele preferiu abraçar o PSL e não trabalhar com a legenda.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE


Política Crítica

Macris aprova reformas de Paulo Guedes


Carol Moura cola em Macris e pede Casa do Artesão


Carteira de vacina será obrigatória para matrícula em escolas


Ver.s recebem condutores escolares


Nova Câmara deve ser ao lado do Polivalente



© 2009-2019. Portal Novo Momento de Notícias. website: pratza