Geral

Bolsonaro tem lenta evolução e melhora

Voltou a comer

Publicado em 2019-02-10 08:24:12 Atualizado em 2019-02-10 08:24:12 (267 visualizações)

(Reuters) - O presidente Jair Bolsonaro tem boa evolução clínica e seu quadro pulmonar está em regressão depois de ser detectada uma pneumonia nesta semana, informou neste sábado boletim médico do hospital Albert Einstein, onde o presidente passou por uma cirurgia no dia 28 de janeiro.

“O excelentíssimo presidente da República, Jair Bolsonaro,... prossegue afebril e com boa evolução clínico-cirúrgica. O quadro pulmonar está em regressão e houve melhora dos exames laboratoriais”, afirma o boletim divulgado pelo hospital.

Bolsonaro passou por uma cirurgia de cerca de sete horas para retirada de uma bolsa de colostomia e para reconstrução de seu trânsito intestinal, depois de sofrer uma facada durante evento da campanha eleitoral em setembro, em Juiz de Fora (MG).

“Devido à evolução da movimentação intestinal e boa aceitação da dieta líquida, hoje foi iniciada uma dieta cremosa, com ótima aceitação. Segue com os antibióticos e a nutrição parenteral. Estão sendo mantidas as medidas de prevenção de trombose venosa, realizados exercícios respiratórios e aumento dos períodos de caminhada fora do quarto”, acrescentou o boletim.

Mais cedo, Bolsonaro postou em suas redes sociais uma foto em que aparece no hospital com uma sopa cremosa, o que parece ser um pote de gelatina já vazio e um picolé ainda fechado.

Nesta semana exames de imagem no tórax do presidente apontaram que ele estava com pneumonia e, por causa disso, um novo antibiótico foi acrescentado ao grupo de medicamentos que vêm sendo ministrados a ele. Ainda não há uma previsão de alta.

A cirurgia do dia 28 foi a terceira a que Bolsonaro se submeteu nos últimos meses.

Quando ele sofreu a facada, em setembro, passou por uma operação de emergência na Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora para estancar o sangramento causado pela facada nos intestinos grosso e delgado e em uma veia abdominal e para instalar a bolsa de colostomia. Posteriormente, já em São Paulo, passou por um segundo procedimento por causa de aderências na parede intestinal.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE


Geral

Seu horóscopo do dia desta sexta


Fachin nega pedido de liberdade a Lula


Maduro manda fechar fronteira com Brasil às 20h


Risco de rompimento de barragem interdita estrada em Minas Gerais


Receita Federal invalida CNPJ de 3,3 milhões de empresas



© 2009-2019. Portal Novo Momento de Notícias. website: pratza