Esporte

Americanenses falam do ouro no Pan-Americano

Equipe do basquete em entrevista coletiva

Publicado em 2019-08-14 09:55:42 Atualizado em 2019-08-14 10:08:27 (210 visualizações)

Integrantes da equipe técnica e jogadoras americanenses da Seleção Brasileira de Basquete Feminino, vencedora do ouro nos Jogos Pan-Americanos 2019, participaram nesta terça-feira (13) de uma coletiva de imprensa realizada pela Unimed Santa Bárbara d’Oeste e Americana, no auditório da AMA (Associação Médica de Americana).

Na abertura da solenidade, o CEO da Unimed, Dr. César Augusto Cielo, destacou o incentivo da cooperativa de saúde nas atividades esportivas da cidade. “É um prazer muito grande representar a Unimed ao lado de vocês. A Unimed vem investindo na base desde 1994 porque acredita que o esporte, a saúde e a educação são um tripé indivisível. É uma honra estar aqui com duas campeãs pan-americanas. Vocês são espelho para as futuras gerações”, destacou.

Dr. João Hansen, presidente da ADCF (Associação Desportiva dos Cooperados e Funcionários Unimed), destacou o trabalho de incentivo às categorias de base, que já revelou importantes nomes do basquete feminino nacional. “Nossa ideia é manter esse projeto para que Americana continue expoente e trazendo vitórias”.


Ouro da casa

Campeã do Pan-Americano de 1991, a gerente de seleções do Departamento Feminino da CBB (Confederação Brasileira de Basketball) e coordenadora da ADCF Unimed, Adriana Santos, ressaltou que das 12 jogadoras que integram a atual Seleção Brasileira de Basquete Feminino, seis saíram ou tiveram passagem por Americana.

“Vê-las com essa medalha é motivo de muito orgulho porque essa conquista traz esperança para as novas categorias. O basquete pode proporcionar muitas alegrias e sempre ressaltamos que nosso papel não é apenas ensiná-las a jogar, mas também contribuir para que se tornem seres humanos cada vez melhores”, disse.

A armadora da seleção, a americanense Débora Fernandes Costa, falou sobre o esforço e a disciplina exigidos pelo esporte e sobre as conquistas trazidas nos tempos em que vestiu a camisa da ADCF Unimed. “Joguei aqui dos sete até os 22 anos e foram muitas as conquistas pela Unimed. Sempre sonhei e acho que essa vitória serve de espelho e motivação. Nunca estamos satisfeitas e espero que vocês, que estão começando, sempre queiram mais, como atletas e como pessoas. Agradeço a Unimed porque tudo que aprendi foi aqui”.

Já a ala da seleção, a também americanense Izabella Sangalli, deixou um recado para as meninas da categoria de base de Americana: “aconselho vocês a treinarem e estudarem bastante, independente de se tornarem ou não jogadoras, porque isso será para a vida de vocês. Só tenho a agradecer por trazer essa alegria para Americana”.

Também estiveram presentes na solenidade o assistente técnico da Seleção Brasileira de Basquete Feminino, Virgil Lopez, e o secretário municipal de Esportes, Eudaldo dos Santos Cardoso, o Paraná, além de integrantes das categorias de base do basquete feminino de Americana.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE


Esporte

Palmeiras cede empate no fim pro Grêmio


Morena quer ser nova musa do Palmeiras


Futebol Amador da 4ª Divisão começa neste FDS


Nova Odessa vai atrás de medalhas no judô


Após rodada do Brasileirão Tempobet, Botafogo comemora 115 anos



© 2009-2019. Portal Novo Momento de Notícias. website: pratza