Esporte

Seleção Brasileira conquista Global Cup

Montarias em touros

Publicado em 2019-02-11 15:57:44 Atualizado em 2019-02-11 16:01:47 (262 visualizações)

A Seleção Brasileira de montarias em touros conquistou nesse domingo, 10 de fevereiro, o título da Global Cup 2019, criado pela PBR (Professional Bull Riders), maior organizadora da modalidade em todo o planeta. Além do Brasil, o torneio reúne times dos Estados Unidos, Canadá, México e Austrália.

Esta é a terceira vez que a Global Cup é realizada, e a segunda em que as cores verde e amarelo se destacam. A primeira foi em 2018, na edição realizada na Austrália. Ambas as vitórias ocorreram sob o comando do técnico Renato Nunes, ex-competidor e campeão mundial pela PBR em 2010.

As disputas ocorrem nos dias 9 e 10 de fevereiro, no AT&T Stadium, em Arlington, no Texas. Os donos da casa se dividiram em dois times, chamados de Eagles e Wolves, este último formado apenas por nativos, e eram os favoritos ao título.

No entanto, o desempenho dos competidores brasileiros fez com que a seleção chegasse à final. A equipe foi formada por competidores considerados os melhores do mundo neste momento como Kaique Pacheco (atual campeão mundial); José Vitor Leme (campeão brasileiro em 2017 e vice-campeão mundial em 2018); Eduardo Aparecido; Marco Eguchi; João Ricardo Vieira (Iron Cowboy nos Estados Unidos e no Brasil); Cláudio Montanha Jr; Fernando Henrique Novais (líder do Monster Energy PBR no Brasil) e Bruno Scaranello (vice-líder do campeonato no Brasil).

“Esses competidores deram o sangue pela nossa seleção. Mesmo com a possibilidade de perdemos o título, eles não desistiram e fizeram o melhor. Estou orgulhoso”, comentou o técnico Renato Nunes referindo-se à difícil tarefa de vencer os donos da casa.

E foi realmente difícil. O Team Brazil começou muito bem, mas os dois times dos Estados Unidos se mantiveram fortes no início da competição. No entanto, os brasileiros mostraram total controle e domínio dos touros, garantindo boas notas e conquistando a liderança ainda no primeiro dia de competição.

No domingo, segunda e última noite de competições, o Brasil chegou como favorito e se manteve líder até o final da última rodada antes do round decisivo, quando a equipe Eagles passou à frente e estiveram muito próximos de ficar com o título.

Mas a sorte esteve ao lado do Team Brazil quando Cooper Davis, campeão mundial de 2016, não conseguiu se manter os oito segundos sobre o touro Bad Beagle, dando a vitória ao Brasil, que tinha uma montaria a mais em pontos.

São nove montarias por noite, totalizando 18 performances. São válidas 12 delas; as mais baixas são descartadas automaticamente. O Brasil teve 11 montarias válidas, enquanto o time EUA-Eagles teve 10. A diferença foi de apenas 72,30 pontos.

Classificação final

1 – Brasil – 939,3 pontos;

2 – EUA Eagles – 867 pontos;

3 – EUA Wolves – 691,3 pontos;

4 – Austrália – 514,3 pontos;

5 – México – 337,8 pontos;

6 – Canadá – 258 pontos.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE


Esporte

Corinthians toma susto, mas bate Avenida


Musa do vôlei sonha em ser apresentadora


Americana tem copa de Badmington


Praia Clube e Dínamo campeões do Torneio de Férias


Corinthians bate São Paulo em Itaquera



© 2009-2019. Portal Novo Momento de Notícias. website: pratza