Cidades

Pref. assina ordem de serviço para ETA do Pós-Anhanguera

Previsão em 18 meses

Publicado em 2018-12-25 09:00:07 Atualizado em 2018-12-25 10:34:45 (863 visualizações)

O prefeito Benjamim Bill Vieira de Souza e o diretor-presidente da Coden (Companhia de Desenvolvimento), Ricardo Ongaro, assinaram na manhã desta quarta-feira a ordem de serviço para o início da construção da ETA (Estação de Tratamento de Água) Santo Ângelo, na região do Pós-Anhanguera. A obra vai beneficiar diretamente 11 bairros e elevará a capacidade de tratamento de água do município para aproximadamente 105 mil moradores. A construção terá início em janeiro e a previsão é que a nova estação – que está orçada em R$ 2,8 milhões - entre em funcionamento em 18 meses.

Acompanharam a assinatura da ordem de serviço os secretários de Governo, Wagner Morais, e Obras, Elvis Ricardo, o Pelé; o chefe de Gabinete, André Faganello, os vereadores Sebastião Gomes dos Santos, o Tiãozinho do Klavin, e Avelino Xavier, o Poneis; além do diretor-financeiro da Coden, Daniel Lorençatto, e os representantes da Arion Engenharia – responsável pelas obras – Fábio Maniero Dalla Villa (engenheiro-coordenador de obras), e Carlos Eduardo da Silva (coordenador de Recursos Humanos).

"É um dia histórico para Nova Odessa. Hoje, tratamos 200 litros de água por segundo e com essa nova estação, vamos tratar mais 50 litros por segundo. Isso atende perfeitamente o crescimento da cidade, uma estação moderna e dotada de alta tecnologia", explicou Ongaro. O diretor-presidente da Coden ressaltou ainda que, quando a nova estação entrar em funcionamento, será possível "aliviar" 5,8 mil hidrômetros que hoje são abastecidos pela ETA que fica na sede da companhia de economia mista. "Isso também garantirá mais pressão na rede abastecida pela ETA 1", disse.

A água será captada nascente da represa Santo Ângelo. "Nova Odessa cresce com responsabilidade e investimentos. Faz tempo que ouço a pergunta: vai faltar água em Nova Odessa? A resposta é não. Nem mesmo na crise hídrica de 2014 nós tivemos falta d'água e se estamos construindo uma nova ETA é porque esse problema não existe", salientou Bill. O prefeito fez questão de ressaltar os investimentos realizados durante a sua gestão, no que diz respeito ao combate às perdas de água em Nova Odessa. "Em janeiro de 2005, nós tratávamos 17,5 milhões de litros de água por dia e agora, mesmo com o grande crescimento da cidade, o volume de tratamento caiu para 15,3 milhões. O que isso significa? Que diminuiu a água? Não. Isso significa que nossa água tratada ficava pelo caminho. Por isso investimos pesado na troca de toda a tubulação, com materiais bem mais resistentes. Isso fez com que o índice de perdas caísse de 44% em 2013 para quase 21% agora. É planejamento", explicou o chefe do Poder Executivo.

COMPROMISSO. O secretário de Governo, Wagner Morais, falou sobre o compromisso da atual gestão com os serviços públicos. "A água é vital. Tivemos o respeito de economizar, investir em tecnologia e reduzir bruscamente a quantidade de água que era desperdiçada antes de chegar até o consumidor. Agora, com mais esse importante investimento, com mais essa estação de tratamento, vamos atender a nossa população de uma forma ainda melhor. Uma nova visão política", disse.

O secretário de Obras, Projetos e Planejamento Urbano também destacou a grandiosidade do projeto. "Nova Odessa vive um momento única, com várias obras acontecendo em todas as áreas, felizmente. Essa estação de tratamento vai dar mais qualidade no serviço que já é realizado pela Coden com excelência", afirmou Pelé.

"É importante que a nossa população saiba o que está sendo feito para não acreditar em mentiras ou boatos. Nova Odessa cresce sim, mas com planejamento. E essa obra é uma grande prova disse", frisou o vereador Tiãozinho. "Uma obra que sela o desenvolvimento sustentável do nosso município. Parabéns ao prefeito Bill pela coragem e determinação", completou Pôneis.

A ETA Santo Ângelo terá capacidade para tratar 3,6 milhões de litros de água por dia e serão beneficiados diretamente os seguintes bairros: Jardim São Jorge, Jardim Fadel, Jardim Flórida, Vila Azenha, Santa Luiza 1 e 2, Triunfo, Residencial Terra Nova, Residencial Fibra, Jardim da Cidade e Jardim São Francisco. Hoje, a ETA do Jardim Bela Vista é responsável pelo abastecimento de 100% dos imóveis dos bairros urbanos (estando disponível inclusive para os prédios com poços artesianos) e pela maior parte do abastecimento das chácaras de veraneio de Nova Odessa. No local, são tratados, em média, 15,5 milhões de litros de água por dia e a Coden possui 10 reservatórios.

 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE


Cidades

9ª Conferência Municipal de Saúde acontece no dia 6


Pref faz a limpa no Córrego do Parque


Novinho roda por tráfico no Zabani


Taxistas devem retirar alvará de funcionamento nesta quarta


"Jacarandás Educador" abre Semana da Água



© 2009-2019. Portal Novo Momento de Notícias. website: pratza