Gastronomia

Trigo: vilão ou mocinho?

Pontos positivos do trigo e do glúten

Publicado em 2017-11-14 15:23:21 Atualizado em 2017-11-14 15:23:21 (128 visualizações)

No dia 10 de novembro é comemorado o Dia do Trigo no Brasil, que é o segundo tipo de cereal cultivado em todo o mundo, além de ser considerado alimento básico para fazer diversos outros, como a farinha, consumido de várias formas como pães, massas alimentícias, bolos e biscoitos.

De acordo com a engenheira de alimentos do Empório & Bistrô D’Elisa, Susana Hoffmann, o trigo faz parte do grupo dos carboidratos responsável por fornecer energia ao corpo, função essencial ao organismo. Quando consumido na dose adequada, traz a disposição necessária para o dia-a-dia. “A ingestão de formas menos refinadas e mais integrais do grão traz muitos benefícios à saúde, pois garante maior ingestão de fibras e micronutrientes como magnésio, ferro, vitamina B12. O problema é quando há excesso do seu consumo o que trás acúmulo no organismo na forma de gordura”, acrescenta.

Na hora de comprar um produto, a dica da especialista é olhar sempre as informações no rótulo. Se a procura é por um produto mais integral, o trigo deve ser o primeiro ingrediente mencionado.

Glúten: Vilão ou não?

Nos últimos anos, o trigo foi visto como vilão por conta do glúten, proteína presente também no centeio e na cevada. Apesar de fazer mal apenas para celíacos (1% da população mundial), alimentos ricos em glúten dentro de uma dieta equilibrada trazem benefícios à saúde. Eles ajudam a controlar a glicemia e os triglicérides, aumentam a absorção de vitaminas e minerais, melhoram a flora intestinal e deixam o sistema imunológico mais forte.  O segredo, como sempre, é manter sempre o equilíbrio.

Susana explica que o glúten é responsável pela elasticidade das massas e para dar maior leveza e delicadeza nos pratos. “As farinhas brancas são as melhores, pois apresentam maior concentração desta proteína. Já a versão integral, por conter mais fibras, a elasticidade é reduzida, mas confere sabores mais intensos e rústicos para biscoitos e bolos”, destaca.

Sobre a D’Elisa
A marca D’Elisa foi fundada em 1989, quando a empresária Maria Elisa Focesi trouxe para Campinas um cardápio requintado e inovador tornando-se destaque na região com os serviços de buffet, eventos, rosticcerias, restaurante e casa de chá. Referência em gastronomia, a D’Elisa já foi premiada 9 vezes pelo Guia Quatro Rodas e destaque na revista Veja Campinas em 2013/2014.

Com a venda da marca em 2016, a produção dos produtos D’Elisa passou por modernização. A primeira loja modelo sob o comando das sócias Susana Hoffmann e Márcia Mainardes, inaugurada em 2017, oferece diversos produtos e serviços através de um Empório, Enoteca, Cafeteria e Bistrô, proporcionando comodidade em um ambiente aconchegante.

No cardápio estão as massas artesanais, molhos, salgados assados, folhados e fritos, tortas, bolos, pudins, antepastos, sopas, carnes, aves e peixes.

Serviço
Empório D’Elisa
Avenida Júlio de Mesquita, 726, Cambuí – Campinas/SP
Horário de funcionamento:
Segunda a sábado: 9h às 19h 
Domingo: 9h às 14h
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE


Gastronomia

Alimentação Vegana Fora de Casa


Coca-Cola lança Crystal sabores


Vivenda do Camarão tem BlackFriday


Sal rosa. Benefícios e polêmicas


Restaurante chique sorteia rodízios



© 2009-2017. Portal Novo Momento de Notícias. website: pratza